O design de próteses open source para membros superiores por meio da análise documental de projetos

Ricardo Schwinn Rodrigues, Milton José Cinelli, Marcelo Gitirana Gomes Ferreira, Susana Cristina Domenech

Resumo


Indivíduos amputados de regiões pouco desenvolvidas e em desenvolvimento, possuem acesso limitado a dispositivos protéticos No bojo deste cenário, surgem grupos colaborativos para o desenvolvimento de próteses de baixo custo fabricadas por impressão 3D, com distribuição livre e gratuita (open source), visando o acesso e melhoria da qualidade de vida a populações menos favorecidas economicamente, em escala global. Nesta perspectiva, o objetivo do presente estudo foi analisar as características relacionadas aos fatores humanos e ergonômicos presentes em projetos de design de próteses open source para os membros superiores. O estudo documental teve como amostra 09 projetos veiculados pelo site E-Nabling The Future. Os projetos analisados sugerem um ganho em relação à acessibilidade das próteses open source em comparação às próteses funcionais devido à livre distribuição, ao baixo custo de produção e manutenção e à customização antropométrica e estética desses dispositivos. Além disso, os fatores humanos e ergonômicos dos dispositivos, embora presentes nos projetos, são pouco consistentes, podendo implicar no uso e no engajamento do usuário com os dispositivos. No entanto, os projetos de próteses open source são projetos de design coerentes para os contextos e objetivos a que seu desenvolvimento se  propõe, sendo capazes de atuar como alternativa acessível às próteses convencionais, possibilitando a realização de atividades da vida diária de uma parcela considerável da população.

Palavras-chave


Design de Próteses; Próteses para o Membro Superior; Open Source.

Texto completo:

PDF/A

Apontamentos

  • Não há apontamentos.